quarta-feira, 18 de março de 2009

Grupo de 50 jovens destrói montras de bairro rico



Cerca de 50 jovens encapuzados e munidos de barras de ferro estilhaçaram hoje montras de bancos e estabelecimentos comerciais e danificaram automóveis em duas ruas do abastado bairro de Kolonaki, centro de Atenas, constatou um jornalista da AFP.

O ataque dos jovens ocorreu às 12h00 (10h00 em Lisboa), hora de habitual grande afluência nas ruas, disse uma vendedora de uma das lojas danificadas, que testemunhou o ataque.

O grupo conseguiu fugir antes da chegada da polícia ao local.

No ataque, os jovens deixaram panfletos a exigir a libertação de um jovem, que a polícia afirma pertencer a um movimento anarquista e que foi detido em Atenas em 2007, por assalto à mão armada de um banco.

O grupo quebrou as montras de uma sucursal do Banco Nacional da Grécia e de pelo menos outras seis lojas.

Foram também estilhaçados os vidros das janelas de uma dezena de automóveis de elevada cilindrada.

Fonte policial afirmou que o grupo se refugiou no interior da Faculdade de Direito, no centro de Atenas, onde a actuação da polícia está sujeita a regras severas.

As autoridades gregas enfrentam uma intensificação da violência contestatária desde os distúrbios urbanos desencadeados em todo o país na sequência da morte a tiro de um adolescente de 15 anos por um polícia, em Atenas, a 06 de Dezembro.