segunda-feira, 2 de março de 2009

[Grécia] Restaurante estudantil é ocupado na Universidade de Creta



Nós não queremos um pedaço de pão.
Queremos toda a padaria!

Em um sistema social onde tudo é negócio e às nossas necessidades, até as mais vitais, tornam-se mercadoria, a comida é mais um aspecto da especulação financeira. E as universidades não são, infelizmente, nenhuma exceção, onde os empresários se tornam ricos, explorando as necessidades de milhares de estudantes. Oferecendo uma comida de má qualidade, muitas vezes pré-aquecidas etc., estas empresas não se diferenciam em nada de outros restaurantes fast-food do estilo McDonald's.

Nestes restaurantes as pessoas trabalham sob condições muito duras e exaustivas, precárias, com contratos temporários e com o fantasma do desemprego sempre sobre suas cabeças.

Hoje (26 de fevereiro) temos ocupado o restaurante da Universidade de Creta, para distribuir gratuitamente refeições a todos seus alunos. Nosso ato é uma sugestão ativa, contra a estrutura deste sistema, propondo no lugar do individualismo e da ignorância, a ação coletiva e solidária.

Durante a rebelião de Dezembro de 2008, mais de 250 pessoas foram detidas. Quem move a sua cabeça como se nada tivesse acontecido é cúmplice.

A ocupação foi realizada pela "Assembléia de Insurgentes de Iraklio".


agência de notícias anarquistas-ana

Semente dourada
Reluz cores e formas
Em terra fértil

Regina Mello